• Blog
  • Perfil
  • Política
  • Gerais
  • Imagens
  • Contato
Enquete


Nenhuma enquete.

Buscar
Untitled Document
10.02
09:52

Prefeitura paga cirurgias eletivas e aguarda repasse do governo do Estado

A Prefeitura de Mossoró está trabalhando para regularizar o pagamento da complementação dos hospitais prestadores de cirurgias eletivas de média e alta complexidade na cidade.

No Termo de Cooperação Técnica Financeira entre a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) e a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) ficou definido que a Prefeitura de Mossoró se responsabilizaria por 40% dos custos das cirurgias de média complexidade e o Governo do RN com os outros 60%, uma vez que o município atende pacientes de outras regiões. O Governo do RN é também o responsável por 100% dos custos das cirurgias eletivas de alta complexidade. 

No entanto, até o momento, nenhum valor foi repassado.

O Município está encaminhando nesta sexta-feira, 09, a folha de pagamento da complementação dos atendimentos realizados no mês de novembro pelos hospitais Wilson Rosado, APAMIM e Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer. A Prefeitura está investindo nessa complementação um montante de R$ 809.552,14 cumprindo sua parte do acordo, mas o Governo do RN não encaminhou o valor da sua contribuição de RS 1.214.328,22.
09.02
12:04

Em cenário otimista, Petrobras prevê investir R$ 288 mi em Mossoró em 2018

A Petrobras traça um cenário otimista para Mossoró em 2018. O Plano de Negócios e Gestão (PNG) da empresa prevê, para este ano, investimento de R$ 288 milhões na região de Mossoró (U$ 88 milhões). O anúncio foi feito pelo gerente do Ativo de Produção de Mossoró, José Wellington de Paiva, em audiência com comissão da Câmara Municipal de Mossoró, na tarde desta quarta-feira (7).

A reunião, realizada na base da Petrobras em Mossoró, a pedido do Legislativo Municipal, contou com a presença da presidente da Casa, Izabel Montenegro (MDB), vereadores Manoel Bezerra (PRTB), Petras Vinícius (DEM) e Aline Couto (PHS).

O gerente informou que os recursos serão aplicados em todo o Ativo de Produção de Mossoró, que compreende, além do município, a região produtora de Upanema, Felipe Guerra, Governador Dix-sept Rosado, Apodi e Areia Branca.

Para isso, segundo ele, a Petrobras projeta aprovação de 11 projetos de perfuração, intervenção e outras medidas, o que vai aumentar o número de sondas em operação e, consequentemente, a quantidade de empregos em Mossoró e região.

“Saímos satisfeitos da audiência, com a expectativa do reaquecimento do setor de petróleo na região de Mossoró, porque R$ 288 milhões em projeção de investimento, em um ano, é uma cifra respeitável”, avalia Izabel Montenegro.
09.02
10:15

Tião declara em nota que ação judicial é sem lógica, além de desprovida de prova

  • A nota de Tião:
"Venho por meio desta esclarecer ao Rio Grande do Norte o contexto e a desinformação constante em reportagens veiculadas neste dia 08/02/2018 em alguns órgãos de mídia do RN.

Todas as informações publicadas foram uma cópia quase que exata do texto do advogado da prefeita Rosalba Ciarlini  numa ação que ela ajuizou contra mim na justiça eleitoral de Mossoró, há cerca de um ano, portanto não se constituindo em nenhuma novidade.

As informações contidas nas matérias são exatamente os termos escritos pelo advogado de Rosalba na ação. Trata-se, portanto, de argumentos de uma só parte que sequer foram apreciados pelo juiz.

Aliás, só existem duas decisões judiciais tomadas pela justiça eleitoral de Mossoró sobre a prestação de contas da campanha eleitoral de 2016. A primeira aprovando integralmente minhas contas de campanha e a segunda desaprovando as contas de Rosalba.

A ação que Rosalba move contra mim é baseada em alegações jurídicas sem a menor chance de prosperar nas instâncias judiciárias, porque são desprovidas de fundamentação lógica e de provas. Mas, o intuito é outro, é criar um noticiário político paralelo negativo em torno do meu nome, confiando na morosidade do processo, que mesmo com o arquivamento que será o destino final desta ação, já se tenha tirado o devido proveito com a estratégia de “assassinato de reputações”.

Aliás, chama a atenção na publicação destas matérias, que em todas elas seja omitida o nome da autora da ação judicial, como se fosse uma ação anônima. Assim como nas matérias a construção dos enunciados se dá como se fossem fatos verdadeiros e não apenas alegações de uma das partes contra seu adversário político.

Feitas estas ponderações, esclareço que todos os pontos elencados com o objetivo de levantar suspeitas de conduta irregular de minha parte foram abordados, esclarecidos e acatados pela Justiça Eleitoral por ocasião da prestação de contas da campanha que ao final restaram aprovadas com trânsito em julgado.

Esclareço ainda que as matérias se equivocam quando citam o Ministério Público como origem dos pedidos de quebra de sigilo, quando na verdade são pedidos feitos pelo advogado de Rosalba.

Considerando que todas essas alegações patrocinadas por Rosalba Ciarlini  já tinham sido objeto de apreciação das minhas contas de campanha e que ao final a Justiça as declarou aprovadas, torna-se muito grave reportagens que usem expressões  como: fraude na minha campanha, abuso do poder econômico, uso de empresas fantasiosas, mascarar gastos, farsa na prestação de contas,  farsa descrita, fantasia ilusória e criminosa, fraude na eleição, comandante de um esquema, indícios de ilegalidade.

É por demais gravoso a quantidade de adjetivos pejorativos contra minha pessoa numa matéria que se pretende  jornalística e imparcial.

Feito o esclarecimento me dirijo a todos para pedir que levem em consideração dois fatos importantes.

Que se trata de uma ação judicial não julgada e que a matéria traz enfoque quase exclusivo no que escreveu o advogado de Rosalba.

Que só tem uma decisão tomada até agora pela justiça. Minhas contas foram aprovadas e as contas de Rosalba foram rejeitadas.

Não façam julgamento precipitado agora, nem a favor e nem contra mim. Peço encarecidamente que esperem o fim da ação, o julgamento final. Aí sim, todas as máscaras cairão".

Atenciosamente,
Tião Couto.

09.02
08:04

Justiça coloca futuro de Tião na berlinda em ação sobre fraude na eleição de 2016

  • Por blog do BG
Uma ação de investigação judicial eleitoral do pleito de 2016 poderá enterrar as pretensões políticas de Tião Couto para este ano.

Está concluso para decisão da Justiça Eleitoral uma ação em que Tião é apontando como comandante de um esquema de abuso de poder econômico quando disputou a prefeitura de Mossoró.

“Os investigados, liderados pelo Sr. Sebastião Filgueira do Couto, o Tião da Prest, utilizaram-se de subterfúgios ilícitos durante todo o pleito eleitoral de 2016, com vistas à conquista de votos dos eleitores, comprometendo a lisura do pleito democrático, sem prejuízo da omissão escancarada de gastos”, acusou a peça que embasa pedido de inelegibilidade de Tião por oito anos.

Em dezembro do ano passado, após audiência com testemunhas, o MP pediu a quebra de sigilos de empresas para verificar a legalidade dos gastos. A ação apresentada é lastreada de provas que indicam ilegalidades.

Na ação de investigação judicial eleitoral movida contra Tião Couto, questiona-se que ele doou mais do que podia para sua própria campanha a prefeito de Mossoró em 2016.
Quando registrou sua candidatura, Tião informou dispor de R$ 1.194.755,74 e que, desse total, apenas pouco mais de R$ 204 mil estavam efetivamente disponíveis. O restante estava em aplicações.

No entanto, “Mesmo sem dispor dos bens, o candidato realizou doações de recursos financeiros – em dinheiro – que remontaram à quantia de R$ 1.414.000,00”, destaca o texto.

Apesar de anotar que aplicações financeiras não são facilmente resgatadas, o MP ainda considera que Tião possa ter utilizado o que estava aplicado, e ainda assim as contas não fecham, pois restaria saber “qual é a fonte dos R$ 219.244,26 que não foram declarados à Justiça Eleitoral”.

Descreve a ação de investigação judicial eleitoral que só um personagem na “fantasia ilusória e criminosa que é a prestação de contas dos investigados [Tião Couto e Jorge Ricardo do Rosário]”, é mais importante que os próprios demandados, trata-se de Lívia Lidiane da Rocha e Nóbrega Menezes.
Lívia não foi fornecedora de nenhum tipo de serviço à campanha, diz o texto, mas sacou cheques de mais de R$ 131 mil.

“Como pode uma pessoa que não vendeu materiais, não locou bens e nem prestou serviços à campanha ter recebido R$ 131.692,27? E o pior, num intervalo de sete dias e depois de passadas as eleições?

A AIJE ainda destaca que Lívia “possuía ligação direta com a campanha dos investigados, sendo funcionária de uma das empresas do candidato a prefeito Sebastião Filgueira Couto”.

Os advogados que movem a ação de investigação contra Tião Couto dedicam parte do material para descrever como empresas foram utilizadas para mascarar gastos de campanha para Tião.
“Traz-se [na ação] uma das várias farsas realizadas na prestação de contas dos investigados, com intuito de ferir a isonomia do pleito, bem como realizar verdadeira afronta à competência fiscalizatória do Poder Judiciário”, anotou o texto.

Na farsa descrita, a empresa Bella Eventos Eireli forneceu mão-de-obra para a campanha mesmo não tendo tal finalidade descrita nos cadastros de pessoas jurídicas.
Quatro notas no valor de R$ 26,1 mil são juntadas indicando pagamento de 605 pessoas.

“Como uma empresa de pequeno porte, optante pelo simples nacional consegue locar mão de obra tendo em vista ser atividade vedada conforme prevê o art. 17, inciso XII da Lei Complementar 123/2006?”, indaga a o texto, que prossegue: “A Bella Eventos é proprietária dos bens que locou?”
As explicações são sugeridas logo adiante na ação, quando o MPE explica que a na sede da Bella Eventos também está registrada outra empresa, a Meritus Assessoria. “Resta evidente que seria um caso de emissão de Notas Fiscais para cobrir despesas já incorridas e pagas aos reais fornecedores dos serviços”.

Ao descrever a situação do uso de “empresas fantasiosas”, a ação eleitoral chama atenção, na campanha de Tião Couto em 2016, para o uso da empresa Personal Marketing.
Em uma única nota fiscal, de R$ 20 mil, é informado que ela locou 50 bandeireiros. Mas no cadastro de empresas, não consta como locação de mão de obra como finalidade da empresa, aponta o texto, antes de prosseguir:

“Seu capital social corresponde a tão somente R$ 10 mil e obtém receita bruta mensal de R$ 30 mil. Como poderia possuir capacidade operacional para realizar essas contratações? Vez que se considerar 50 pessoas como bandeireiros para trabalhar – num patamar mínimo de R$ 880, chega-se ao montante de R$ 44 mil, valor superior à sua capacidade”.
09.02
08:00

João Maia é acusado de ter recebido R$ 1,2 mi de propina em obra da BR-101

Ex-deputado teria recebido propina de empresas de consórcio

O ex-deputado João Maia (PR) teria recebido pelo menos R$ 1,2 milhão em propina paga por apenas uma das três empresas que participaram do consórcio responsável por parte das obras na BR-101 no Rio Grande do Norte, entre 2008 e 2010. A informação está em um acordo de delação premiada firmada pelo Ministério Público Federal com os os engenheiros Roberto Capobianco, Marco Aurélio Costa Guimarães e Frederico Eigenheer, da Construcap, à qual o G1 teve acesso.

O caso é investigado pela Operação Via Ápia, deflagrada em 2010 e e que está em fase de depoimento de testemunhas ao juiz Mário Jambo, da 2ª Vara da Justiça Federal, em Natal. A operação apurou um esquema de pagamento de propina das empresas pelo Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Os delatores estão entre os ouvidos pelo juiz. Ao todo, são 25 réus.

João Maia, que não é réu no processo que está correndo na Justiça, já tinha sido citado pelo próprio sobrinho, Gledson Golbery Maia – ex-chefe de Serviço de Engenharia do Dnit – que também fechou acordo de delação. Na terça-feira (6), ele confirmou à Justiça, as informações que já tinha prestado ao MPF.

O G1 questionou à assessoria do MPF o motivo de João Maia não estar entre as pessoas denunciadas e ainda aguarda resposta.
09.02
07:44

Governo completa pagamento de 87% da folha de janeiro neste sábado,10

Natal - O Governo do Estado deposita no próximo sábado (10) os vencimentos integrais dos agentes de segurança (Polícia Militar, Polícia Civil, Corpo de Bombeiros, servidores da Sesed e da Sejuc, inativos e pensionistas da PM e do Corpo de Bombeiros). Neste mesmo dia também serão pagos os servidores das demais categorias que recebem até R$ 4 mil, ativos, inativos e pensionistas. 
 
No último dia 31 de janeiro já foram pagos os servidores da Educação e dos órgãos da Administração Indireta com arrecadação própria. No dia 2 de fevereiro, foram pagos integralmente os servidores da Saúde. 

Com isso, o estado contempla o pagamento de 87% do funcionalismo público ativo e inativo. Ao todo, são 97.250 servidores, que representam um montante de R$ 255.697.858,94.
 
O governo segue acompanhando as receitas para anunciar, a partir da disponibilidade de recursos, o complemento do calendário de pagamento.
08.02
10:15

Tião diz que aceita concorrer a governo se "forças produtivas" unirem forças

Cumprindo uma intensa agenda nas últimas semanas de reuniões com empresários e segmentos organizados que representam as forças produtivas do Estado, o empresário Tião Couto faz uma veemente defesa de uma efetiva participação política dessas forças na eleição de outubro próximo.

 

Tião disputou a prefeitura de Mossoró em 2016 assumindo um discurso de mudança nos modelos de gestão pública aplicados até agora e que se mostraram ineficientes na solução dos problemas. Em Mossoró ele foi um dos fundadores do movimento que se chamou “Mossoró Melhor” e como proposta para o Estado atualmente se chama “RN Melhor”.

 

Tião Couto que tem seu nome citado como governadorável tem dito que está à disposição do projeto que vem sendo apresentado e que não lhe falta coragem para o desafio. “Apoiarei qualquer nome do grupo que possa representar o ideal de todos, como sempre digo eu estarei à disposição”, esclarece Tião.

 

Ele destaca como essencial no êxito do projeto que os empresários entendam que é preciso sair da zona de conforto atual e unir forças para ter uma representação política mais direta e sem intermediários.

 

Perguntado se o projeto que ele defende de modelo de gestão privada para o serviço público não é algo complicado de se aplicar na prática, Tião diz que não. “Na gestão privada se busca a eficiência com planejamento e metas. Nada melhor que trazer esse modelo para a gestão pública que é diagnosticada como sendo ineficiente e sem planejamento”.

 

Tião Couto está confiante de que as forças produtivas estão se dando conta que não basta assistir e apoiar projetos tradicionais, mas que chegou a hora de atuar efetivamente no campo político, dando uma contribuição com a construção de uma chapa majoritária e proporcional a  ser apresentada como alternativa para o julgamento dos eleitores.

08.02
08:44

BC reduz Taxa Selic para nível de 6,75%

O Comitê de Política Econômica, do Bando Central, procedeu nova redução da taxa básica de juros. A Selic baixou de 7% para 6,75%.

Foi o 11º corte consecutivo da Taxa, reduzindo a Selic ao nível mais baixo da história. O BC manteve em 4,2% a projeção da inflação para 2018 e 2019.
08.02
08:30

Câmara marca para o dia 28 de fevereiro inicio dos trabalhos de plenário em 2018

A Câmara Municipal de Mossoró fará abertura do ano legislativo 2018, próximo dia 28, às 16h, com a leitura da mensagem anual da prefeita Rosalba Ciarlini (PP). A data foi decidida para permitir a leitura pela titular do Executivo, que retornará de férias dia 27.

O anúncio foi feito na manhã desta quarta-feira (7), no Palácio da Resistência, na transmissão do cargo à vice-prefeita Nayara Gadelha (PP), a qual exercerá a função interinamente, pela quinta vez, até a volta de Rosalba Ciarlini a Mossoró.

A presidente da Câmara, Izabel Montenegro (MDB), informou que o líder da bancada da situação, vereador Alex Moacir (MDB), solicitou, em ofício, o adiamento do início do ano legislativo, do dia 20 para o dia 28, o que foi deferido pela Presidência.

“Não que a prefeita em exercício Nayara não teria condição de fazer a leitura –, o que com certeza o faria muito bem. Mas a prefeita Rosalba, como titular do cargo e à frente do Governo, merece fazer a prestação de contas e apesentar metas para 2018”, justifica.

Em atividade - Pelo Regimento Interno da Câmara Municipal de Mossoró, a primeira sessão do ano deve ocorrer na primeira terça-feira após o dia 15 de fevereiro, que este ano será dia 20. O adiamento decidido hoje, portanto, será de apenas uma semana.

“Vale salientar que a Câmara não está sem atividades. Os vereadores continuam atuando nos seus mandatos, os gabinetes abertos, a estrutura da Casa em pleno funcionamento, acessível à população. O recesso se resume ao plenário”, explica Izabel.

Parceria institucional - A presidente assegurou apoio do Legislativo à prefeita em exercício. “A Câmara dará suporte a Nayara Gadelha no que for necessário, nesses vinte dias de gestão interina. Ela certamente dará conta mais uma vez e tem o apoio da Casa”, assinalou.

Rosalba Ciarlini agradeceu a compreensão da Câmara.  “O Legislativo tem sido parceiro”, frisou. Além de Izabel, prestigiaram a transmissão do cargo os vereadores Alex Moacir, Emílio Ferreira (PSD), Manoel Bezerra (PRTB), Tony Cabelos (PSD) e Sandra Rosado (PSB).
07.02
13:20

Rosalba Ciarlini transmite cargo para vice Nayara e inicia período de férias

 A prefeita Rosalba Ciarlini transmitiu o cargo para a vice-prefeita Nayara Gadelha em solenidade realizada nesta quarta-feira (07) no Palácio da Resistência. A solicitação de licença para férias foi encaminhada e aprovada pela Câmara Municipal de Mossoró (CMM).

Em solenidade realizada nesta manhã, a prefeita citou todos os projetos em andamento, além de obras já finalizadas pela administração. “Estamos realizando um trabalho de reconstrução, dando seguimento às obras e finalizando outras essenciais, a exemplo da conclusão da Bacia 3, do bairro Abolição III, beneficiando diversos moradores”, complementou. Rosalba destacou ainda o reajuste do piso salarial do professor, conforme determina a legislação nacional, que será encaminhado à Câmara Municipal tão logo encerre o recesso. “O pagamento será retroativo, após aprovação do legislativo”.

A presidente da CMM, Izabel Montenegro, reconheceu o esforço da prefeita nesse primeiro ano de mandato para a retomada do crescimento da cidade. “Estamos aqui também assegurando o apoio à prefeita em exercício Nayara Gadelha, sempre voltadas para melhoria da cidade e dos serviços essenciais”, comentou.

Com a transmissão do cargo, a prefeita em exercício Nayara Gadelha mencionou a importância da continuidade das ações desenvolvidas. “É a quinta vez que a prefeita transmite o cargo, o que mostra a confiança e a sintonia. Estaremos juntos com os secretários, dando continuidade a esse trabalho de muita dedicação a Mossoró”, finalizou.

Participaram ainda da solenidade a vereadora Sandra Rosado, os vereadores Alex Moacir, Manoel Bezerra, Tony Cabelos, Emílio Ferreira, além de secretários municipais.
O período de licença para férias de Rosalba Ciarlini é de 08 a 27 de fevereiro de 2018.
07.02
09:05

Fábio Dantas pode disputar Senado na chapa da pré-candidata Fátima Bezerra

  • Do blog de Thaisa Galvão (www.thaisagalvao.com.br)
Sem deixar o PCdoB, o vice-governador Fábio Dantas pode ser candidato a senador na chapa que terá a senadora Fátima Bezerra (PT) como candidata ao Governo do Rio Grande do Norte.

Ontem (terça-feira, 6) Fábio foi chamado para uma conversa com os líderes do partido no Estado e ficou acertado que, passado o carnaval, ele irá a São Paulo para um encontro com a presidente nacional da legenda, Luciana Santos e o vice Walter Sorrentino.

O PCdoB quer manter Fábio na legenda, exigindo que ele seja candidato a uma das duas vagas do Senado.

Ao Blog, Fábio disse que, inclusive, já informou ao governador Robinson Faria sobre a possibilidade de disputar o Senado pelo PCdoB numa aiança com o PT.

Fábio faria dobradinha com a deputada Zenaide Maia que já desponta como pré-candidata ao Senado na chapa da governadorável Fátima Bezerra.
07.02
05:38

Semear atenderá 5.228 famílias em 2018

Prefeitura de Mossoró investirá R$ 401 mil em programa rural

A Prefeitura de Mossoró investirá R$ 401 mil no Programa de Corte de Terras em 2018. O Semear foi lançado pela prefeita Rosalba Ciarlini, em evento com os produtores rurais.

Ao todo, 5.228 famílias serão atendidas pelo Semear. O Semear garante o corte de terra dos agricultores para o plantio, durante o inverno.

_ Temos 133 comunidades e assentamentos rurais e por mais que a gente avance em adutoras, poços, cisternas, que são de suma importância, o que garante uma boa safra é um bom inverno, então vamos nos preparar com o corte de terra porque as previsões estão animadoras_, diz Rosalba.
07.02
05:25

STJ decide nesta quinta se Henrique Alves irá mesmo para prisão domiciliar

A Justiça Federal do Rio Grande do Norte concedeu prisão domiciliar para o ex-ministro Henrique Eduardo Alves. O ex-presidente do MDB cumpre pena na Academia de Polícia do RN desde junho de 2017 por suposto envolvimento em desvio de dinheiro para a construção da Arena das Dunas, erguido em Natal, erguido para a Copa do Mundo de 2014, em Natal.

A decisão se refere aos desdobramentos da Operação Manus, mas Henrique Alves ainda não poderá ir pra casa. Para tal, depende ainda de habeas corpus em outra ação, a Sépsis.

A Sépsis investiga suposto esquema de propinas no Fundo de Investimentos do FGTS (FI-FGTS), administrado pela Caixa. O recurso será julgado nesta quinta-feira (8) pelo STJ.
06.02
15:24

Câmara aprova licença para férias da prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini

Comissão autorizou ausência da cidade entre 8 e 27 deste mês

A Câmara Municipal de Mossoró autorizou licença para viagem de férias da prefeita Rosalba Ciarlini (PP), entre os dias 8 e 27 deste mês. A decisão foi tomada pela Comissão Representativa da Casa, em reunião na manhã desta terça-feira, no gabinete da Presidência.

A autorização da ausência do titular do Executivo está entre as decisões da Câmara, atribuídas pelo Regimento Interno à Comissão Representativa, durante o recesso parlamentar (Art. 339, inciso III.)

O colegiado representa legalmente o Legislativo no recesso e só pode tomar decisões sem consultar o plenário, expressamente autorizadas no Regimento Interno, como é o caso.

Placar

Com relação à licença para viagem de férias da prefeita, a comissão aprovou o Decreto Legislativo 01/2018, por 2 votos a 1, autorizando viagem da chefe do Executivo Municipal.

O colegiado é composto por três vereadores. Votaram a favor a presidente Izabel Montenegro (MDB) e o vereador Manoel Bezerra (PRTB). O vereador Genilson Alves (PMN) votou contra. O vereador Alex Moacir (MDB) assinou o decreto como testemunha.

No período da ausência de Rosalba Ciarlini em Mossoró, assumirá a Prefeitura, interinamente, a vice-prefeita Naiara Gadelha (PP), que ocupará o cargo, em exercício, pela quarta vez.
06.02
08:33

Policiais e bombeiros militares do RN podem não se apresentar para Carnaval

A situação da violência que já está fora de controle no Rio Grande do Norte pode se agravar ainda mais durante o Carnaval. É que policiais e bombeiros militares do Rio Grande do Norte devem não se apresentar para as escalas extras, de caráter voluntário, programadas para o período da festa.

A decisão foi tomada durante Assembleia Geral da categoria realizada na tarde desta segunda-feira, 5. 
As informações são assessoria de comunicação da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais Militares e Bombeiros Militares do RN. (ASSPMBRN). Segundo a entidade, a ação ocorrerá caso o Governo do Estado não efetive pontos do Termo de Compromisso e Acordo Extrajudicial que não foram cumpridos dentro do prazo.

Os representantes das associações e a equipe do Governo tem uma reunião marcada para esta terça-feira, 6. “Esperamos que nesta reunião o Governo tenha um posicionamento concreto quanto aos pontos que não foram cumpridos dentro do prazo”, relata o subtenente Eliabe Marques, presidente da Associação dos Subtenentes e Sargentos Policiais e Bombeiros Militares do RN (ASSPMBMRN).
06.02
08:26

Prefeitura de Mossoró paga mais de 1,5 milhão ao Sama e garante atendimento

A Prefeitura de Mossoró está empenhada em cumprir o acordo judicial firmado no ano passado com o Serviço de Assistência Médica e Ambulatorial (SAMA). Na manhã desta segunda-feira, 05, uma equipe do Executivo Municipal participou de uma audiência na 1ª Vara da Fazenda Pública com representantes do SAMA para anunciar o pagamento de R$ 800 mil, referente aos repasses dos meses de novembro/dezembro de 2017 e janeiro de 2018, do acordo judicial firmado no ano anterior e parte das três notas da prestação de serviços para as UPAs do mês de novembro, além do pagamento integral da prestação de serviço no Serviço de Verificação de Óbito (SVO), também referente ao mês citado.

No dia 25 de janeiro, a Prefeitura efetuou o pagamento da ordem de mais de R$ 700 mil relativo ao mês de outubro do ano passado. Somente nesses últimos 15 dias, o Município investiu mais de R$ 1,5 milhão no Serviço de Assistência Médica e Ambulatorial.

Os atendimentos prestados pelo SAMA  continuam acontecendo normalmente na cidade. Os representantes do Executivo só terminaram a reunião de hoje após a confirmação que o valor financeiro de R$ 800 mil foi creditado na conta do SAMA. O Município vem empreendendo esforços com objetivo de garantir todos os repasses.
05.02
11:50

Mossoró chega a 33 homicídios em 2018

A violência não dá trégua em Mossoró. Nas últimas 72 horas, a Polícia registrou a ocorrência de nove assassinatos no Município. 

De acordo com o portal de notícias policiais, O Câmara (www.ocamera.com), o município já totaliza 33 homidícios em Mossoró durante o ano. 

Um verdadeiro salve-se...quem puder!
05.02
11:06

Ministério da Saúde insere Mossoró no Plano de Expansão da Radioterapia

Atendendo a um pleito do deputado federal Beto Rosado (Progressistas/RN), a Liga Mossoroense de Estudos e Combate ao Câncer de Mossoró foi inserida no Plano de Expansão da Radioterapia, do Ministério da Saúde. A instituição será beneficiada com a aquisição de um acelerador linear para o tratamento de radioterapia, dobrando o número de pacientes assistidos de Mossoró e toda região Oeste.

Em outubro do ano passado, o deputado e o superintendente da Liga Mossoroense, Wogel Oliveira, solicitaram ao Ministério da Saúde a inserção da Liga no Plano de Expansão da Radioterapia. A medida ofertará ao hospital um investimento federal de R$ 1,9 milhão para implantação. 

_Com o novo equipamento, a Liga dobrará seus serviços e atenderá cerca de 200 pacientes por dia, vindos de mais de 60 municípios do Oeste Potiguar. Fico muito feliz com essa conquista, fruto da parceria entre o nosso mandato e a instituição_, afirmou Beto.
03.02
11:01

Em Apodi, emendas de vereador barra corte de terra e a construção de escola

Apodi - As alterações que foram sugeridas pelo vereador Gilvan Alves em dois projetos do poder Executivo irão prejudicar o início do programa Corte de Terras e a continuidade da construção da escola de Melancias, na zona rural de Apodi. As emendas de modificação foram aprovadas na noite de quinta-feira (01), na sessão ordinária da Câmara Municipal.
 
O primeiro projeto diz respeito à abertura de crédito adicional especial para início do programa Corte de Terras neste mês de fevereiro. O montante no valor de R$ 128 mil seria oriundo do superávit financeiro, ou seja, recursos que sobraram do ano de 2017 e que só podem ser usados com autorização da Câmara.
 
Já o segundo projeto refere-se à abertura de crédito especial para dar continuidade às obras da escola do distrito de Melancias, no valor de R$ 324 mil. O montante também seria oriundo do superávit financeiro do ano passado.
 
Os dois pedidos de crédito foram aprovados, entretanto, com duas emendas de modificação do vereador Gilvan Alves que alteram a origem dos recursos, do superávit de 2017 para recursos de 2018.
03.02
10:58

Ufersa entrega 200 novos colchões aos alunos da Vila Masculina de Mossoró

Com o objetivo de oferecer um melhor conforto aos estudantes residentes da Vila Masculina da Ufersa em Mossoró, a Pró-Reitoria de Assuntos Estudantis – Proae, entregou na tarde desta sexta, dia 02, 200 novos colchões aos alunos moradores. Estudantes de todas as 17 casas foram beneficiados, como foi o caso de Patrício Siqueira, aluno do curso de Administração e residente na Vila há 2 anos. 

Patrício trocou o antigo colchão por um outro novinho e mais confortável. “Nós dormíamos em colchões velhos, finos que a gente já tinha comprado de pessoas que já tinham morado aqui e agora com certeza o sono será melhor com o novo colchão”, afirmou Patrício.

O Reitor, o professor José de Arimatea de Matos, acompanhou a entrega dos novos colchões nas primeiras casas junto com a equipe de Pró-Reitores de Assistência Estudantil, Vânia Porto e Júlio César Rodrigues, e também da Assistente Social do setor, Leidilane Alencar.

© 2009 Gutemberg Moura - A notícia com credibilidade. Todos os direitos reservados

Desenvolvimento: Micael Melo