Enviar por e-mail






A Azul tem 78% de seus funcionários em licença não remunerada. A Gol e a Avianca têm cerca de metade de seus funcionários em licença não remunerada. A Latam já havia cortado pela metade os salários de seus 43 mil funcionários.
" />