Enviar por e-mail





O Cônsul Honorário da República Federal da Alemanha, Alex Geppert, esteve na sede do Sebrae

Natal (Agência Sebrae) – Uma comitiva formada por representantes do estado da Renânia-Palatinado está propondo uma parceria com o Sebrae do Rio Grande do Norte para dar continuidade aos projetos que permitem, por exemplo, evitar o êxodo rural no semiárido nordestino, como no caso dos biodigestores doados pelo governo alemão e que estão instalados nos municípios de Canguaretama, no litoral sul, e Lajes, no sertão central. A expectativa é que uma nova parceria possa fortalecer ações de desenvolvimento e que fortaleça a manutenção do homem no campo.

O Cônsul Honorário da República Federal da Alemanha, Alex Geppert, esteve na sede do Sebrae, em Natal, acompanhado dos representantes do governo alemão, Thorsten Pollatz e Roland Ricth, e do representante da empresa In Plantar – Meio Ambiente & Engenharia Ltda. Josenberg Rocha Junior. A comitiva alemã reuniu-se com os diretores José Ferreira de Melo Neto (Superintendente) e João Hélio Cavalcanti, a assessora técnica, Gilvanise Borba, e o gerente da Unidade de Desenvolvimento Territorial, Angelo Baeta.

Nos últimos oito anos, o governo alemão investiu mais de R$ 13 milhões a fundo perdido em diversos projetos de transferência de tecnologia e qualificação de mão-de-obra no Rio Grande do Norte. Dentre eles, destacam-se a primeira Casa Passiva Modelo da América Latina, instalada na Zona Norte de Natal, em parceria com o Senai-RN, o projeto dessalinização solar do Centro de Tecnologias do Gás e Energias Renováveis (CTGAS-ER) e o Projeto Verena, uma parceria desenvolvida pela Hotel Barreira Roxa com o estado alemão da Renânia-Palatinado, que inclusive foi premiado pelo Ministério do Turismo.
" />