Enviar por e-mail





Quem diria, heim...o PSDB do desafeto Aécio Neves e Cia LTDA “salvou” a governadora Fátima Bezerra de um vexame com os servidores estaduais. 

Pois é. Foi o PSDB que viabilizou, na Assembleia Legislativa, ontem, a aprovação, às pressas, do crédito milionário de R$ 1,7 bilhão para o Governo do Estado. O PL foi votado às pressas por decisão do presidente da Alern, o tucano Ezequiel Ferreira.

Com a verba à mão, Fátima Bezerra destinará cerca de R$ 1 bilhão para pagamento de servidores (meses de novembro de 2018, dezembro e 13º de 2019), segundo o próprio governo.

Saldo "gordo" - E resta em cofre R$ 700 milhões. Uma nota preta que o governo ainda não disse onde aplicará o saldo.

" />