Enviar por e-mail





O engavetamento das folhas salariais em atraso, pela governadora Fátima Bezerra, do PT, caiu como uma bomba para os servidores públicos do Rio Grande do Norte. 

A inquietação das corporações sindicais é clara e muitas categorias já estão falando até mesmo em greves.

Ao invés de pagar os salários atrasados, Fátima Bezerra optou por antecipar o pagamento de 30% dos salários, de janeiro e fevereiro, para o dia 10 do mês. Os sindicatos não gostaram do inusitado calendário de desembolso e querem que a governadora pague as folhas pendentes.
" />