• Blog
  • Perfil
  • Política
  • Gerais
  • Imagens
  • Contato
Enquete


Nenhuma enquete.

Buscar
Untitled Document
24.02
07:39

Larissa pede maior transparência do sistema de vacinação em Mossoró

Vereadora quer saber o número de doses aplicadas e estoque de vacinas contra Covid-19

A vereadora Larissa Rosado (PSDB) solicitou, através de requerimento apresentado na sessão ordinária desta terça-feira, 23, a divulgação de informações referentes à vacinação contra a Covid-19, em Mossoró.

A parlamentar pediu a divulgação do número de doses aplicadas, o número de vacinas em estoques e o perfil das pessoas que receberam as doses. “Queremos que o processo seja mais transparente, para que não tenhamos nenhum tipo de fraude na aplicação das doses. E que ninguém fure a fila e recebe a vacina no lugar daqueles que necessitam mais”, defendeu. 

O vereador Francisco Carlos (PP) também assinou o requerimento, que foi aprovado por unanimidade pelos vereadores presentes na sessão.

Vigilância - A parlamentar solicitou ainda ações para evitar a disseminação da doença no município de Mossoró. “É natural do ser humano, após um tempo, relaxar nas medidas de prevenção. Os casos estão aumentando no Brasil e principalmente no RN. São cerca de mil mortos por dia. Precisamos de um trabalho de conscientização por parte da Vigilância Sanitária”, defendeu.
24.02
07:33

Enem tem hoje 2º dia de prova para alunos do AM e afastados por covid

Brasília (Portal R7.com) - O Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2020 entra no segundo dia de reaplicação de provas nesta quarta-feira (24) para estudantes que tiveram as provas canceladas por causa do agravamento da pandemia do novo coronavírus e aqueles que não puderam fazer o exame por estar com sintomas da covid-19 ou de outra doença infectocontagiosa e para participantes que foram prejudicados por questões logísticas.

Será realizado também o segundo dia do Enem PPL (Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade e Jovens sob Medida Socioeducativa que inclua privação de liberdade).

O exame regular foi aplicado nos dias 17 e 24 de janeiro no formato impresso, e nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro no formato digital. Os resultados finais, tanto do Enem digital quanto do Enem impresso e da reaplicação, serão divulgados no dia 29 de março.
17.02
15:09

Deputado Beto assegura R$ 1,9 milhão para asfaltar acesso à barragem de Açu

O deputado federal Beto Rosado (Progressistas) garantiu, junto ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), R$ 1,9 milhão para a Prefeitura de Itajá realizar o recapeamento asfáltico da estrada que passa por dentro da cidade e liga a BR-304 à Barragem Armando Ribeiro Gonçalves.

A barragem é um ponto turístico da região e o maior reservatório de água do Rio Grande do Norte.

O prefeito de Itajá, Alaor Pessoa, usou suas redes sociais para agradecer o empenho do deputado Beto Rosado nessa luta: “Itajá agradece por essa grande obra que vai beneficiar diretamente a nossa cidade e também o turismo na região do Vale do Açu”, diz o prefeito.

A estrada tem cerca de 3,9 quilômetros de extensão, onde é o principal acesso para chegar até a margem da barragem.

Beto reforça a importância da barragem Armando Ribeiro para o Estado e da necessidade de melhorar o acesso pela BR-304.

“Estamos garantindo os recursos para o recapeamento de todo aquele trecho. Uma obra que vai beneficiar não só Itajá, mas toda a região”, completa o deputado.
12.02
13:52

Decreto de Bolsonaro garante vacinas

Brasília (Agência Brasil) - O presidente Jair Bolsonaro assinou decreto que promove a execução provisória do Orçamento do governo federal, já que o Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) de 2021 ainda não foi analisado pelo Congresso Nacional. De acordo com a Presidência, a medida assegura os créditos extraordinários abertos no ano passado para aquisição de vacinas contra a covid-19, entre outros que foram reabertos em 2021.

O decreto de execução foi necessário para que não haja a paralisação da máquina pública. Enviado em agosto de 2020, o PLOA deve ser aprovado e sancionado até março deste ano. Até lá, investimentos e demais gastos discricionários (aqueles que não são obrigatórios) terão um corte de 33%.

Em nota, a Secretaria-Geral da Presidência explicou que os créditos extraordinários abertos em 2020 e reabertos em 2021 não serão afetados. Entre eles, estão o crédito de R$ 1,6 bilhão destinado a custear o ingresso do Brasil na Covax Facility, aliança da Organização Mundial da Saúde (OMS) para ajudar os países em desenvolvimento a ter acesso a vacinas contra a covid-19, e o crédito extraordinário de R$ 19,9 bilhões para as ações emergenciais de vacinação da população.

De acordo com a Presidência, o decreto está em consonância com a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2021, que permite a execução orçamentária e financeira de certas despesas caso o Orçamento não tivesse sido publicado até 31 de dezembro de 2020. O decreto do presidente Jair Bolsonaro foi publicado em edição extra do Diário Oficial da União na noite de ontem (11).
12.02
13:50

Mossoró suspende eventos de carnaval e estabelece ponto facultativo segunda

A Prefeitura Municipal de Mossoró suspende a realização de eventos de pré-carnaval e carnaval no município promovidas por entes públicos ou privados. O decreto que fixa as determinações do Executivo Municipal foi publicado nesta quinta-feira (11), em edição extra do Jornal Oficial de Mossoró (JOM).

O município assegura o reforço da fiscalização no âmbito municipal quanto à proibição de eventos no período. O objetivo é coibir aglomerações e respeito ao cumprimento de protocolos de biossegurança, como a obrigatoriedade do uso de máscara e distanciamento social mínimo.

O decreto institui também o ponto facultativo no município de Mossoró no dia 15 de fevereiro de 2021, seguindo até as 12h do dia 17 de fevereiro de 2021.

O prefeito Allyson Bezerra reforça que o momento é de atenção quanto à pandemia do Coronavírus. “O intuito é evitar aglomerações e a consequente transmissão do Coronavírus. Reforçamos que todas as medidas de enfrentamento à Covid-19 do município serão mantidas também no período de carnaval”, afirma.
12.02
13:35

Taxa de ocupação de leitos críticos para covid no RN é de 71,5%, segundo Sesap

Natal - (Secom governo RN) - A taxa de ocupação de leitos críticos das unidades públicas de saúde no RN é de 71,5%, registrada no fim da manhã desta sexta-feira (12). Pacientes internados em leitos clínicos e críticos somam 340.

Até o momento desta publicação são 68 leitos críticos (UTI) disponíveis e 171 ocupados, enquanto em relação aos leitos clínicos (enfermaria), são 136 disponíveis e 169 ocupados.

Segundo a Sesap, a Região metropolitana apresenta 81,7% dos leitos críticos ocupados, a região Oeste tem 60,3% e a Região Seridó tem 60%.
09.02
14:26

Em primeira mensagem anual, prefeito Alysson confirma mutirão de cirurgias

Na leitura da sua primeira mensagem anual à Câmara Municipal, hoje (9), o prefeito de Mossoró, Allyson Bezerra, anunciou mutirão de cirurgias eletivas. O trabalho, segundo ele, começará no início de março, através de parcerias e contratação de prestadores de serviços. O chefe do Executivo lamentou a espera por cirurgias.

“É inaceitável que na terra de Santa Luzia, a protetora dos olhos, mais de duas mil pessoas estejam agora em casa, perdendo a visão pela falta de cirurgia de catarata”, disse o prefeito. Ele acrescentou que o mutirão começará pelas cirurgias oftalmológicas e continuará com outras especialidades, como ginecológicas.

As cirurgias serão viabilizadas, conforme o prefeito, em novo modelo de contratação. Lembrou que Mossoró deu primeiro passo no final de janeiro, quando a Prefeitura publicou edital para credenciamento de empresas na área médica. Segundo ele, em breve a gestão anunciará informações mais detalhadas desse programa.

Funcionalismo - Allyson Bezerra reiterou pagamento em dia dos servidores públicos, diretos e terceirizados. Esta categoria começou a receber o pagamento de janeiro. “Em breve, anunciaremos cronograma de pagamento dos salários atrasados dos servidores e dos terceirizados”, assegura, ao lembrar já haver o calendário de 2021.

Infraestrutura - Na mensagem, o chefe do Executivo também anunciou o programa Asfalto no Bairro, um investimento superior a R$ 20 milhões. A iniciativa levará asfalto aos bairros mais simples e periféricos. “Vai ser por meio desse programa que vamos asfaltar ruas de maior fluxo, por onde vão circular os ônibus do transporte público”, complementa.

Ao continuar sobre mobilidade urbana, assegurou aumento da frota de ônibus e lançamnto da campanha Menos Multa, Mais Educação, para educar no trânsito e conscientizar mais os condutores e pedestres sobre direitos e deveres.

Reforço - Na segurança pública, o prefeito garantiu, até o final do ano, aumentar em 250% o total de viaturas da Guarda Municipal nas ruas e implantar a Ronda Rural, para atender a zona rural. Também anunciou que, ainda este ano, parte da corporação será armada e auxiliada por videomonitoramento para reforçar a segurança em Mossoró.

Balanço - O prefeito anunciou ainda, na mensagem ao Legislativo, outras ações. Também contextualizou as dificuldades encontradas na Prefeitura, como dívida de R$ 875 milhões, e fez um balanço dos primeiros 40 dias de gestão, ao destacar resultados em saúde, agricultura, segurança, emprego e renda, entre outras áreas.

Ao final do discurso, propôs união por Mossoró. “Convido todos a um pacto por Mossoró, com novos conceitos e práticas – uma nova forma de fazer política. A boa política, com o povo e para o povo. Vamos juntos nessa missão de transformar Mossoró. Chegou a vez do povo. O futuro já começou. E depende de cada um de nós”, conclamou.
03.02
19:24

Bolsonaro pede aprovação de reformas em mensagem ao Congresso Nacional

Brasília (Agência Brasil) - O presidente Jair Bolsonaro participou nesta quarta-feira (3) da sessão solene de abertura do ano legislativo e entregou a mensagem do Poder Executivo ao Congresso Nacional. A cerimônia marca a retomada das atividades parlamentares na Câmara dos Deputados e no Senado Federal. Antes de entregar a mensagem, Bolsonaro fez um discurso em que elencou realizações do seu governo e também pediu ao Congresso apoio para uma série de pautas, como pacto federativo, reforma administrativa, reforma tributária e agenda de concessões e privatizações.

"Dando continuidade a todo esse processo, diversas outras proposições legislativas merecem a atenção e a análise do Congresso Nacional neste ano de 2021; projetos esses que dependem da devida análise, adequação e aprovação pelo parlamento brasileiro. Neste ponto, citam-se, dentre outros, as propostas de emenda constitucional do reordenamento da relação federativa; a reforma administrativa; a agenda de privatizações e de concessões; a revisão dos subsídios creditícios e gastos tributários; a reforma tributária; o projeto de lei complementar para a criação do Marco Legal das Startups e do Empreendedorismo Inovador; o projeto de lei cambial; a modernização do setor elétrico; a partilha dos campos de óleo e gás; debêntures de infraestrutura, entre outros projetos em tramitação no parlamento", afirmou o presidente.   

A sessão solene ocorreu de forma presencial no plenário da Câmara dos Deputados e reuniu centenas de parlamentares, sob o comando do novo presidente do Senado e do Congresso Nacional, Rodrigo Pacheco (DEM-MG). Além do presidente da República, que foi o primeiro a discursar, também discursaram o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux, que entregou a mensagem do Poder Judiciário; o presidente recém-eleito da Câmara, Arthur Lira (PP-AL) e Pacheco, que falou ao final e encerrou os trabalhos.
03.02
19:21

Anvisa muda regra que dificultava uso emergencial da Sputnik V contra Covid

São Paulo/Brasília - A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) anunciou nesta quarta-feira (3) a flexibilização de uma das principais exigências que dificultava o pedido de uso emergencial de novas vacinas contra covid-19 no país: a realização de testes clínicos de fase 3 no Brasil.

Até então, apenas Oxford/AstraZeneca e CoronaVac conseguiram essa modalidade de liberação por terem estudos conduzidos no país. Pfizer/BioNTech e Janssen (Johnson & Johnson) também estão aptas, mas não entraram com o pedido até hoje.

A atualização das diretrizes da Anvisa abre caminho para vários fabricantes de vacinas pedirem a autorização. Mas a possível beneficiada neste primeiro momento deve ser a vacina russa Sputnik V. (Mais informações acesse: https://noticias.r7.com).
03.02
19:18

Deputado Francisco é novo líder do Governo Fátima Bezerra na ALERN

Natal - A governadora Fátima Bezerra anunciou, nesta quarta-feira (03), em reunião com a bancada governista da Assembleia Legislativa, o nome do deputado estadual Francisco Medeiros como novo líder do Governo na Casa. O deputado George Soares, que ocupava a função, assumirá a primeira secretaria da Mesa Diretora da ALRN.
 
“A partir de agora terei uma missão igualmente importante à frente da primeira secretaria e achei por bem conversar com a governadora para que fosse realizado um rodízio entre nós da bancada. E o nome que ela escolheu, do deputado Francisco, não poderia ser melhor indicado. Eu continuo fiel ao Governo e trabalhando na articulação política dentro da Assembleia”, disse George.
 
A governadora agradeceu a dedicação e lealdade do deputado George, no período em que ocupou a liderança, e disse ter certeza que continuará contando com a sua experiência e capacidade de liderança nos projetos do governo que serão encaminhados à Casa Legislativa.
01.02
19:33

Com 57 votos, Rodrigo Pacheco, do DEM, é eleito presidente do Senado

Parlamentar mineiro, apoiado por Jair Bolsonaro, desbanca Simone Tebet, do MDB

Brasília (Portal R7.com) - O senador Rodrigo Pacheco (DEM-MG) foi eleito para o comando da Casa pelos próximos 24 meses em sucessão a Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Apoiado pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, o parlamentar obteve 57 votos de um total de 78 senadores votantes na Casa (um dos senadores, Chico Rodrigos, do DEM-RR, está de licença), desbancando Simone Tebet (MDB-MS).

Jorge Kajuru (Cidadania-GO), Major Olímpio (PSL-SP) e Lasier Martins (Podemos-RS) retiraram suas candidaturas para apoiar Tebet. Não foi suficiente para ela, que obteve 21 votos.
01.02
10:32

Câmara e Senado elegem novas Mesas

AS ELEIÇÕES ESTÃO MARCADAS PARA 14H E 19H, RESPECTIVAMENTE

Brasília (Agência Brasil) - Deputados e senadores se reúnem hoje (1°) para definir quem comandará as duas casas nos próximos dois anos. O Senado será a primeira casa a definir o novo presidente. Lá a eleição está marcada para começar as 14h. Já a Câmara começa a definir quem será o futuro presidente a partir das 19h. Por definição das mesas diretoras das duas casas, ambas as eleições serão presenciais. O voto também é secreto e apurado pelo sistema eletrônico.

Tanto na Câmara, quanto no Senado, os mandatos têm duração de dois anos, com possibilidade de reeleição.

No Senado, quatro parlamentares concorrem ao cargo. São eles: Simone Tebet (MDB-MS), Rodrigo Pacheco (DEM-MG), Major Olimpio (PSL-SP) e Jorge Kajuru (Cidadania-GO). Novas candidaturas podem ser apresentadas até pouco antes do início da votação. A disputa, entretanto, está polarizada entre a senadora Simone Tebet e o senador Rodrigo Pacheco.

A reunião preparatória para a eleição está marcada para as 14h. Ela pode ser aberta com o quórum de 14 senadores, o equivalente a um sexto da composição do Senado. Mas a votação propriamente dita só começa com a presença da maioria absoluta da Casa, que é de 41 senadores.

Para ser eleito, o candidato precisará ter no mínimo a maioria absoluta dos votos, ou seja, pelo menos 41 dos 81 senadores.

Na ocasião serão eleitos ainda os demais membros da Mesa Diretora, também para um mandato de dois anos, mas a recondução é vedada. A Mesa é composta pelo presidente, dois vice-presidentes, quatro secretários e seus suplentes. Os votos para os cargos da Mesa só são apurados depois que for escolhido o presidente.

Como a eleição será presencial, medidas de segurança foram adotadas para evitar a contaminação pelo novo coronavírus. Entre elas estão a colocação de duas urnas de votação do lado de fora do plenário: uma na chapelaria (uma das entradas do prédio do Congresso) e outra no Salão Azul.

O plenário estará com acesso restrito a senadores. Também haverá mais pontos com oferta de álcool em gel na Casa.

01.02
00:17

Enem digital tem 68,1% de abstenção

Brasília (Agência Brasil) - O primeiro dia de aplicação da versão digital do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) registrou a ausência de 68,1% dos 93 mil candidatos inscritos. De acordo com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), ao todo, 34.590 candidatos fizeram as provas.

O presidente do Inep, Alexandre Lopes, atribui as faltas principalmente à pandemia do novo coronavírus. “O índice de abstenção continua alto, como também teve no Enem impresso. A gente entende que isso é muito em função da pandemia. Alguns locais estão em lockdown, as pessoas não saíram de suas casas para fazer as provas”, diz. 

O Enem impresso, finalizado no último domingo (24), teve abstenção recorde na história do exame. Mais da metade dos candidatos não compareceu.
27.01
07:32

Mossoró tem maior desconto de IPTU entre principais cidades do Nordeste

Percentual é para os contribuintes que efetuarem o pagamento total até o dia 26 de fevereiro de 2021

O desconto de 25% do Imposto sobre a Propriedade Predial e Territorial Urbana (IPTU) concedido pela Prefeitura de Mossoró é o maior entre as principais prefeituras do Nordeste no ano de 2021. O percentual é para os contribuintes que efetuarem o pagamento total até o dia 26 de fevereiro de 2021. Já o desconto de 5% para os contribuintes que optarem pelo parcelamento em oito vezes, com vencimento até 29 de setembro do corrente ano.

Das maiores cidades nordestinas, quem mais se aproxima da Capital do Oeste é Natal. A capital do Rio Grande do Norte, com população estimada em 900 mil habitantes, tem desconto de 15%. Campina Grande tem o terceiro maior desconto. O município paraibano concedeu desconto de 15%. A cidade tem pouco mais de 400 mil habitantes.

Os demais descontos registrados estão na casa de 10% ou abaixo desse percentual. As prefeituras de Caruaru, no estado de Pernambuco, com população de 365 mil habitantes, Caucaia, região metropolitana de Fortaleza, com 370 mil pessoas, Feira de Santana, no interior da Bahia, com 620 mil habitantes, e Maceió, capital de Alagoas, com pouco mais de um milhão de habitantes, concederam desconto de 10%.

Abaixo desse índice estão Fortaleza, Salvador e Teresina. A capital cearense, com população estimada de 2,7 milhões de habitantes, tem desconto de 8%. Já a capital baiana, com 2,8 milhões de pessoas, concedeu desconto de 7%, mesmo percentual registrado na capital piauiense, que tem estimativa populacional de 870 mil habitantes.
  • Mossoró/RN – 300 mil habitantes – desconto IPTU – 25%
  • Natal/RN – 900 mil habitantes – desconto – 16%
  • Campina Grande/PB – 402 mil habitantes – desconto IPTU – 15%
  • Caruaru/PE – 365 mil habitantes – desconto IPTU – 10%
  • Caucaia/CE – 370 mil habitantes – desconto IPTU – 10%
  • Feira de Santana/BA – 620 mil habitantes – desconto ITPU – 10%
  • Maceió/AL – 1,04 milhão de habitantes – desconto IPTU – 10%
  • Fortaleza/CE – 2,7 milhões de habitantes – desconto IPTU – 8%
  • Salvador/BA – 2,8 milhões de habitantes – desconto IPTU – 7%
  • Teresina/PI – 870 mil habitantes – desconto IPTU – 7%
27.01
07:29

Inep divulga nesta quarta-feira, 27, gabarito oficial das provas do Enem

Brasília (Agência Brasil) O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulga hoje (27) os gabaritos oficiais das provas objetivas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020. Os participantes poderão conferir as respostas corretas do exame no site do Inep e no aplicativo do Enem. 

O Enem impresso foi aplicado nos dois últimos domingos, dias 17 e 24 de janeiro. Os participantes resolveram questões objetivas de matemática, ciências da natureza, ciências humanas e linguagens. Fizeram também a prova de redação, a única subjetiva do exame.

Mesmo com os gabaritos em mãos, não é possível saber a nota no exame. Isso porque o Enem é corrigido com base na chamada teoria de resposta ao item (TRI), que leva em consideração, entre outros fatores, a coerência de cada estudante na própria prova.

Ou seja, se ele acertar questões difíceis, é esperado que acerte também as fáceis. Se isso não acontecer, o sistema entende que pode ter sido por chute. O estudante, então, pontua menos que outro candidato que tenha acertado as mesmas questões difíceis, mas que tenha acertado também as fáceis.
23.01
10:13

Decisão do TRE que retira mandato de Beto Rosado agrava inferno rosalbista

Grupo de Rosalba almejava voos mais altos em 2022, a partir de sua reeleição à Prefeitur a e eventual candidatura ao Senado, mas agora vive futuro incerto e esvaziamento com revés Beto na justiça eleitoral

O inferno astral do grupo político rosalbista parece não ter fim. Se não bastasse a derrota da ex-prefeita Rosalba Ciarlini para o prefeito Alysson Bezerra nas eleições de 2020, agora o Tribunal Regional Eleitoral dá outra “lapada” no clã político, ao invalidar os votos do do então candidato Kéricles Alves, tirando o mandato do deputado federal Beto Rosado.

Por 3 a 2, os desembargadores do TRE invalidaram os votos de “Kerinho”, alegando irregularidade na sua documentação eleitoral. Entre elas, o fato dele não ter se desincompatibilizado a tempo para ser candidato nas eleições de 2018, o que tornaria inelegível. Agora, o TRE recontará os votos e, nesse novo cenário eleitoral, deve declarar eleito deputado federal Fernando Mineiro/PT.

A decisão da justiça eleitoral potiguar cabe recurso no Tribunal Superior Eleitoral, e Beto Rosado já disse, em nota, aguardar apenas ser notificado pelo TRE para tomar as “medidas cabíveis”. A sua eventual perda de mandato seria catastrófico para o grupo rosalbista, que ficaria sem mandato eletivo, levando-o ao pior cenário de decadência político-eleitoral.

TIRO DE MISERIRCÓRDIA – Se Beto perder o mandato, a sobrevivência política do rosalbismo estará restrita à ex-prefeita Rosalba Ciarlini. O seu nome passa a ser a única (e talvez última) opção do referido clã para renascer das cinzas e, nas eleições de 2022, reconquistar algum mandato. No caso em tela, Rosalba seria o nome do grupo para concorrer a deputado estadual e/ou a Câmara Federal.

Até 15 de novembro de 2020, data das eleições municipais, o rosalbismo tinha outros planos. O projeto passava pela reeleição de Rosalba à Prefeitura de Mossoró e sua posterior candidatura ao Senado.

A derrota para o prefeito Alysson desmoronou tal projeto de ampliação política. 

"ALÉM DE QUEDA, COICE" -". Sem Rosalba na Prefeitura, e Beto perdendo o mandato na Câmara Federal, o rosalbismo viverá o pior dos cenários desde o início de sua jornada, em 1988.

20.01
00:17

Prefeitura antecipa vacinação e inicia aplicação na noite desta terça-feira,19

Enfermeira é a primeira vacinada contra Covid-19 no município. Quase quatro mil doses vão ser aplicadas 
  • Por Secom: PMM
O município de Mossoró iniciou uma importante ação na luta contra a Covid-19 nesta terça-feira (19/1): a vacinação. A primeira dose do imunizante, que protege contra o novo coronavírus, foi aplicada na enfermeira Raimunda Clézia Cavalcante da Silva, de 60 anos. A Secretaria Municipal de Saúde realizou abertura da vacinação no auditório do Centro Administrativo Alcides Belo, no bairro Aeroporto.

O primeiro lote da vacina CoronaVac chegou à cidade na manhã de desta terça-feira. As vacinas estão armazenadas na II Unidade Regional de Saúde Pública (II Ursap). A primeira cidadã receber a vacina da Covid-19 comemorou e ressaltou a importância da vacinação na luta contra ao novo coronavírus.

“Era um sonho de todos nós profissionais de saúde. Não existe tratamento, só existe tratamento paliativo. Peço que a população contribua porque muitas vidas já foram embora. É hora da população se unir a nós profissionais da saúde”, disse a enfermeira que atua na Unidade Básica de Saúde (UBS) Joaquim Saldanha, na Estrada da Raiz.

O prefeito Allyson Bezerra destacou que o início da vacinação é um momento histórico para Mossoró. “Sabemos que perdemos muitas pessoas para essa doença mortal, muitas pessoas queridas, norte-rio-grandenses, brasileiras e muitos mossoroenses. Uma data importantíssima e histórica. Reconhecemos que a ciência brasileira lutou bravamente para conseguir chegar nessa vacina e reconhecemos a importância do SUS. Vamos iniciar hoje a vacinação de acordo com a política nacional, até pela quantidade ainda que não temos para atender a todos. Mas se Deus quiser, em um futuro breve, teremos a oportunidade de imunizar toda nossa população”, enfatizou o prefeito.

Primeira fase - Nessa primeira fase da vacinação, Mossoró recebeu 3.981 doses da vacina contra a Covid-19 que foram enviadas pelo governo federal e distribuídas pelo governo do Rio Grande do Norte. As doses do lote inicial são destinadas, principalmente, a vacinação de profissionais de saúde.

Além dos profissionais que estão na linha de frente na pandemia e que atuam nas Unidades de Terapia Intensiva (UTIs), também serão vacinados 79 idosos institucionalizados nesta quarta-feira (20).  Equipes da saúde vacinarão os idosos no Instituto Amantino Câmara, Hospital Psiquiátrico São Camilo.
19.01
07:17

Caixa paga abono salarial para nascidos em janeiro e fevereiro, já nesta terça,19

Brasília (Agência Brasil) - Cerca de 3,4 milhões de trabalhadores nascidos em janeiro e fevereiro começam a receber, nesta terça-feira (19), R$ 2,75 bilhões referentes ao abono salarial do calendário 2020/2021 – ano-base 2019. A Caixa Econômica Federal depositará o dinheiro na conta corrente informada ou na conta poupança digital, usada para pagar o auxílio emergencial, para quem não é cliente do banco.

As poupanças digitais podem ser movimentadas pelo aplicativo Caixa Tem. Disponível para telefones celulares, o aplicativo permite o pagamento de contas domésticas (água, luz, telefone e gás), boletos bancários, compras com cartão de débito virtual pela internet e compras com código QR (versão avançada do código de barras) em estabelecimentos parceiros.

Para os funcionários públicos ou trabalhadores de empresas estatais, vale o dígito final do número de inscrição do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep). A partir de amanhã, fica disponível o crédito para inscritos com final 5. O Pasep é pago pelo Banco do Brasil.

Os trabalhadores que nasceram entre julho e dezembro receberam o abono salarial do PIS em 2020. Os nascidos entre janeiro e junho terão o recurso disponível para saque em 2021.

Os servidores públicos com final de inscrição do Pasep entre 0 e 4 também receberam em 2020. Já as inscrições com final entre 5 e 9 ficaram para 2021. O fechamento do calendário de pagamento do exercício 2020/2021 ocorre em 30 de junho.
16.01
08:57

Município divulga detalhes do plano de vacinação contra Covid-19 em Mossoró

A Campanha Nacional de Vacinação contra a Covid-19, cujo início depende do Ministério da Saúde, foi tema de reunião remota com prefeitos e seus representantes, na manhã da última quinta-feira, 14. Na ocasião o ministro da Saúde, Eduardo Pazzuello, explicitou que para a primeira fase da campanha o Governo Federal distribuirá 8 milhões de doses da vacina contra a COVID-19, sendo 2 milhões de doses desenvolvidas pela Fiocruz, em parceria com a empresa Astrazenica e a Universidade inglesa de Oxford, e outras 6 milhões de doses da Coronavac, do laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instututo Butantan.

Em Mossoró, a Secretaria Municipal de Saúde, confirmou que os profissionais da área de saúde pública e privada, que estão entre os primeiros contemplados pelo Plano Nacional de Vacinação do Ministério, serão vacinados nas suas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e nos postos de trabalho onde estão lotados, e que para agilizar a imunização do grupo prioritário definido pelo ministério, foram definidas unidades polos.

“Nós aguardamos ansiosamente pelo início da campanha de vacinação contra a Covid-19 e faremos tudo com muita segurança por termos a certeza dada tanto pelo Ministério da Saúde, quanto pelo Governo do Rio Grande do Norte, de que não faltarão agulhas e seringas”, diz a secretária de Saúde de Mossoró, Morgana Dantas.

Quantitativo - Com relação à quantidade de doses, a secretária disse que o município ainda não recebeu nenhum documento ou indicativo após a reunião remota dos gestores com o ministro Eduardo Pazuello. “Seria ótimo ter esta informação, mas ainda nenhum município brasileiro sabe ao certo quanto vai receber em doses. Aguardamos até que o Ministério emita norma técnica que explique questões como contra indicações, manuseio, conservação, etc. Porque apesar do diálogo, o Ministério da Saúde não colocou as coisas de maneira oficial, por meio de documentos. Mas acreditamos no que foi dito, que a vacina vai chegar à população mais vulnerável dentro do previsto pelo Governo Federal”, disse Morgana.

O Plano Municipal de Vacinação contra a Covid-19 estipula trabalhar com 83 mil doses, tomando como base o que Mossoró costuma receber nas campanhas contra a Influenza. O plano do município se baseia no Plano Nacional e estipula como grupo prioritário nesta primeira fase:

1- Idosos (a partir de 60 anos) institucionalizados, ou seja, que estão em abrigos e casas de repouso, ou sob os cuidados do poder público (Instituto Amantino Câmara, Casa de Saúde São Camilo de Lélis, Cadeia Pública, Penitenciária Agrícola Dr. Mário Negócio);

2- Idosos a partir de 75 anos de idade;

3- Trabalhadores da saúde.

No Plano Nacional, consta ainda o grupo de indígenas aldeados, que não se aplica a Mossoró.

A vacinação dos idosos abrigados no Instituto Amantino Câmara será de responsabilidade de uma equipe de vacinadores da Secretaria Municipal de Saúde.

“Nós vamos pedir a cada hospital público e privado que eles nos enviem a lista dos seus funcionários, e a vacina irá até eles sem que os profissionais tenham que se dirigir as unidades básicas”, explicou a secretária de saúde.

O Plano Municipal de Vacinação prevê que as UBSs sejam monitoradas pelos Núcleos de Apoio à Saúde da Família (NASF) dos respectivos distritos. As Unidades deverão encaminhar para o Programa Nacional de Imunização (PNI) o quantitativo de idosos de suas áreas de abrangência até o próximo dia 19 e receberão a quantidade de doses de acordo com o quantitativo informado.

Logística - As vacinas chegarão a Mossoró e municípios da região oeste através da II Unidade Regional de Saúde Pública (II URSAP) e segundo o planejamento do governo do estado, em 72 horas a vacinação começará em todas as UBSs da capital do Oeste.

No município serão 7 unidades de referência para a vacinação contra a Covid-19: UBS Dr. Chico Costa (Santo Antônio); UBS Vereador Lahyre Rosado Neto (Alto do Sumaré); UBS Maria Soares da Costa (Alto de São Manoel); UBS Dr. Epitácio da Costa Carvalho nos Pintos; UBS Dr. Francisco Nazareno (Bom Pastor); UBS Dr. José Leão (Alto da Conceição) e UBS Dr. Lucas Benjamim (Abolição III).

É recomendado que os cidadãos baixem em seus celulares o aplicativo conecteSUS e o RN Mais Vacina para fazer o registro das vacinas aplicadas.

“Estamos prontos para começar a vacinação, e a população pode ficar tranquila, porque o município conta com apoio do Estado, do Ministério da Saúde e possui uma experiência histórica e vasta em campanhas de vacinação, dispondo de profissionais dedicados e treinados”, concluiu Morgana Dantas.

Cronograma - Quanto ao cronograma para a chegada dos imunizantes aos municípios, o ministro da Saúde disse que isso pode acontecer em 18 de janeiro e que, de forma geral, a campanha está prevista para começar no próximo dia 20 em todo o Brasil.

Contudo, segundo o coordenador de Imunização de Mossoró, Etevaldo Lima, o cumprimento deste prazo por parte do Ministério da Saúde depende do aval da Anvisa, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária.

Análises - A Anvisa notificou na quinta-feira, dia 14, o Instituto Butantan e a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) sobre a falta de documentação para analisar pedidos de uso emergencial das vacinas contra o novo coronavírus. Ambos os laboratórios pediram uso emergencial para grupos de risco na semana passada. O órgão vai se manifestar pela autorização ou não no próximo domingo, dia 17. O site da agência informava, às 14h18 da última quinta-feira que a CoronaVac tinha 40,92% da sua documentação já concluída. Outros 29,32% estão em análise.

Já à Fiocruz, foi solicitada informação complementar sobre 31,29% dos documentos da vacina Oxford/AstraZeneca. O primeiro lote com 2 milhões de doses desta vacina vai chegar pronto da Índia, mas a Fiocruz fará a produção nacional do imunizante.

O imunizante foi adquirido pela pasta junto ao laboratório indiano Serum Institute para garantir o início da vacinação dos brasileiros de forma simultânea e gratuita. O voo que trará as primeiras doses estava programado para ontem, 14, rumo à Ásia, mas foi adiado para esta sexta-feira, 15.
16.01
07:47

Prazo para recorrer de auxílio-doença negado termina hoje, lembra INSS

Pedido pode ser feito no aplicativo Meu INSS e no telefone 135

Brasília (Agência Brasil) - O segurado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) que teve o auxílio-doença negado em 2020 tem até este sábado (16) para agendar uma nova perícia médica. O pedido deve ser feito pelo aplicativo Meu INSS ou pelo telefone 135.

Pode recorrer da decisão quem pediu o adiantamento do auxílio e teve o benefício negado e quem requereu o auxílio-doença a partir de 1º de fevereiro de 2020, mas não conseguiu passar pela perícia médica.

Desde setembro, as perícias voltaram a ser presenciais nas 491 agências do INSS em todo o país, após meses de atendimento virtual por causa da pandemia da covid-19. Apenas os médicos peritos pertencentes a grupos de risco – como pessoas com mais de 60 anos, grávidas, lactantes e pessoas com doenças graves – continuam trabalhando remotamente.

Ao ir para a perícia, o segurado deverá levar todos os documentos que comprovem o motivo do afastamento do trabalho, como laudos, exames, atestados e receitas médicas. O auxílio-doença é pago a empregados que não podem ir ao trabalho por mais de 15 dias em decorrência de enfermidade ou de acidente.

Para evitar a aglomeração de pessoas nas agências, o INSS antecipou, entre março e novembro, parte do auxílio doença. O segurado recebeu um adiantamento de até R$ 1.045 – valor do salário mínimo no ano passado – sem a necessidade de perícia. Após a confirmação do benefício pelo médico perito, a quantia recebida antecipadamente seria descontada dos futuros pagamentos.

De acordo com o INSS, a diferença entre o salário mínimo e o valor do auxílio doença, caso este seja superior ao mínimo, foi paga em dezembro. Eventuais ajustes estão sendo feitos neste início de 2021.

© 2009 Gutemberg Moura - A notícia com credibilidade. Todos os direitos reservados

Desenvolvimento: Micael Melo